Matérias
Inscreva-se para receber
nossas newsletters
Busca Rápida

Bayer no Mundo
Bayer Links
Matérias

MATÉRIAS

  • Imprimir
    Imprimir
  • Favoritos
    Favoritos

Lipoaspiração para homens

  • Tamanho da fonte:
  • A-
  • A
  • A+

Público masculino começa a se interessar mais por procedimento que retira gordura localizada, como os indesejados pneuzinhos

No Brasil, são realizadas anualmente 629 mil cirurgias plásticas, 73% delas estéticas e somente 27% restauradoras, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Entre os procedimentos, 86% exigem intervenções cirúrgicas. Destas, a lipoaspiração aparece em segundo lugar - perde apenas para o aumento da mama.

Engana-se, porém, quem pensa que as mulheres são as únicas a recorrer a esse tipo de solução para melhorar a própria imagem. Nos últimos anos, os homens têm procurado cada vez mais as clínicas especializadas, interessados em corrigir diferentes defeitos no corpo.

A demanda masculina cresceu tanto em tempos recentes que algumas clínicas se especializaram no atendimento desse público. Atualmente, há spas específicos para homens, como conta o presidente da representação paulista da SBCP, Carlos Alberto Komatsu. De acordo com ele, a situação é resultado da superação de uma visão antiga, segundo a qual esse tipo de cuidado comprometeria a masculinidade. "A tendência de procura por melhora estética é visível, inclusive por parte do homem. Trata-se de uma medida que contribui para melhorar a qualidade de vida das pessoas", afirma.

Entre os procedimentos mais procurados pelos homens está a lipoaspiração, que é indicada, assim como para as mulheres, para remoção de gorduras localizadas. No caso do segmento masculino, os pontos mais visados são o abdômen, os flancos (partes laterais do abdômen, onde aparecem os indesejados pneuzinhos) e as conhecidas papadas. "A distribuição da gordura é diferente entre homens e mulheres. Nelas, a concentração normalmente se dá em áreas como as nádegas e os culotes", destaca o cirurgião plástico.

A lipoaspiração é um método considerado seguro, apresentando baixo índice de complicações. A retirada da gordura é feita através de cânulas finas (tubos), que são acopladas a equipamentos especiais. A incisão tem menos de um centímetro. A cânula é introduzida nos pontos de maior acúmulo de gordura, e em seguida é feita a aspiração das células gordurosas.

A recuperação do paciente ocorre em poucos dias, após o que ele pode retomar as atividades normais, exceto exercícios físicos mais intensos, que normalmente só poderão ser feitos depois 30 dias, dependendo da área tratada. No período pós-operatório, em alguns casos é recomendado o uso de malhas compressoras que ajudam a reduzir o inchaço.

Um alerta que serve para todos os interessados nesse tipo de procedimento estético é que ele jamais deve ser indicado para emagrecimento: a retirada de gordura não é tão significativa, ficando entre dois e quatro quilos, em média. "Ou seja, não é uma cirurgia recomendada para obesos", pontua o representante da SBCP.

Outro aspecto relevante a ser ressaltado, segundo Komatsu, é que os riscos inerentes a esse tipo de cirurgia plástica aumentam conforme os volumes a serem lipoaspirados. "As principais contraindicações são problemas de saúde como hipertensão severa, diabetes descontrolado, cardiopatias e doenças sistêmicas em geral".

L.BR.GM.2011-09-30.0562

Leia também
< Voltar
  • Como compensar os abusos

    Exagerou no churrasco ou nas porções do barzinho?

    + mais
  • Depilação a laser

    Todo homem acostuma-se desde a adolescência a fazer a barba.

    + mais
  • Espermograma

    À primeira impressão, a tarefa é das mais fáceis. Afinal de contas, a masturbação deixou de ser um tabu há tempos.

    + mais
  • Esportes de Verão

    A praia oferece atrativos que vão muito além do descanso sob o sol. Entre eles está a prática de exercícios na areia.

    + mais
  • Dia do Homem

    Uma pesquisa mostra o hábito do cuidado da saúde masculina e sua importância

    + mais
  • Traiu e se arrependeu

    Mesmo uma relação estável está sujeita a traições. A principal justificativa da infidelidade é a crise na relação.

    + mais
Avançar >